O que eu aprendi com o dia dos namorados?

O que eu aprendi com o dia dos namorados?

pinguins-maos-dadas

 

Entendendo o “dia dos namorados”

Não sei se você sabe, mas o dia dos namorados é uma data, não oficial, destinada aos casais de “namorados”, na qual a comemoração vem desde o Império Romano. O Bisbo de uma igreja católica, chamado de São Valentim, foi proibido por Claudius II, de realizar casamentos. Desrespeitando a ordem imperial, o bispo continuou  celebrando os matrimônios de forma secreta. Acabou sendo preso e condenado a morte. Enquanto estava na prisão, acabou recebendo diversos bilhetes de jovens apaixonados, falando sobre o amor e o matrimonio. Em meados de fevereiro dos anos 270, acabou sendo decapitado.  Acabou sendo homenageado e a data passou a ser destinada aos casais de namorados e ao amor entre eles.

Entendendo o significado de namoro

Pode-se dizer que o namoro nada mais é do que uma relação afetiva mantida entre duas pessoas (alguns casais modernos podendo haver mais de duas pessoas) que se unem pelo desejo de estarem juntas e compartilharem novas experiências.  Ou seja, um comprometimento social, mas sem estabelecer um vinculo matrimonial perante a lei civil ou religiosa.

Aprendizado sobre o dia dos namorados

Sabemos que o dia dos namorados é comemorado de diversas formas, certo? È uma tradição a troca de “presentes”, tal como bombons, cartões, mensagens de amor, jantar a luz de vela, algo romântico ou algo mais “selvagem”.  Mas o que posso aprender sobre esse dia do ponto de vista comercial?!

  • Você que trabalha com restaurante, lojas de chocolate, ramo alimentício, irá faturar bastante!
  • Você que trabalha em motel, prepare-se, pois o seu trabalho irá dobrar nesse dia!
  • Você que trabalha com marketing digital, prepare algo bacana e venda-os para os seus clientes. Esse momento é seu!

E como posso aprender do ponto de vista comportamental?!

  • Namorar (para algumas pessoas),nada mais é do que a antecipação do noivado e em seguida o casamento.  (Visão romancista)
  • É um dos primeiros passos para compartilhar conhecimento, trabalhar a confiança e cumplicidade um no outro.
  • Você aprende a se relacionar de uma forma mais estável a medida que o tempo passa, e com isso, uma maior segurança (ou não) para se relacionar com o outro.
  • Você aprende a experimentar a relação mais intima da natureza emocional ou sexual do seu parceiro, fazendo o conhecer seus pontos fortes e pontos fracos, posições preferidas ou menos desejadas.

Antigamente o namoro expressava o ato de cortejar aquela pessoa desejada, ainda hoje isso acontece, namorando ou não. Mas é um grande passo, para poder reconhecer o seu grau de persuasão com as pessoas.

E para finalizar, aprendi que existem vários tipos de namoros, bem como o namoro liberal, sem muito compromisso, sem cobrança, na qual, o ser humano (sendo egoísta ou não) tem como objetivo o seu próprio bem estar, prazer sexual, prazer em ter uma companhia,  ou só o fato de sentir o prazer em ter prazer.

Quer um conselho?! Pense bem se você quer namorar ou não, é um passo importante que envolve emoções, sentimentos, carinho, dinheiro e fidelidade.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s